Natal, Rio Grande do Norte, 10 de Dezembro de 2019

Deicor prende suspeito de envolvimento na morte de empresário paraibano

Redação   23/10/2019 às 10h07   -  Atualizada em 23/10/2019 às 10h21

Foto: Divulgação / Polícia Civil

Policiais civis da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor), em ação conjunta com a Delegacia de Homicídios de Patos/PB, deram cumprimento a um mandado de prisão temporária expedido em desfavor de José Carlos da Silva Nascimento, vulgo "Cacau", de 24 anos de idade, natural de Paulista/PE. Ele é acusado da morte de um empresário, na cidade de Patos/PB, ocorrida no mês de agosto do corrente ano.

"Cacau", juntamente com sua amante (companheira da vítima), de acordo com as investigações, teriam planejado e executado a morte de Edigar Pascoal Nunes, no dia 20 de agosto na cidade de Patos.

A companheira do senhor executado declarou perante o delegado de Patos que deu remédio para Edigar dormir. Depois disso, "Cacau" teria entrado na casa e executado a vítima que estava dopada com vários disparos de revólver calibre 38.

Após a prisão de sua amante, "Cacau" fugiu para a cidade de São José de Mipibu/RN, onde ficou escondido na casa de sua irmã.

Depois de um serviço de inteligência, os policiais da Deicor e da Delegacia de Patos/PB localizaram o foragido e efetuaram a sua captura.

Na base da Deicor, "Cacau" confirmou a sua participação no homicídio e deu detalhes de como agiu, quando da execução do empresário.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181, Disque DEICOR (84) 3232-2862 ou o ZAP DEICOR (84) 98135-6796.

Fonte: Polícia Civil

Encontre-nos no Facebook
Fechar
© 2011-2019. Portal BO - O 1º Portal Policial do RN - Todos os direitos reservados - Política de Privacidade

Título