A reportagem solicitada não foi encontrada.

Natal, Rio Grande do Norte, 18 de Janeiro de 2020

Tribunal de Justiça do RN tem 150 policiais militares disponíveis para segurança

Apesar dessa quantidade de policiais, nenhum estava de serviço no momento que a sede do Judiciário potiguar foi invadida por assaltantes.

Thyago Macedo   31/10/2011 às 14h18   -  Atualizada em 21/07/2017 às 14h43

Foto: Sérgio Costa

O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte tem a sua disposição um efetivo que gira em torno de 150 policiais militares que, teoricamente, atuam na proteção do prédio e segurança dos juízes e desembargadores. Apesar dessa quantidade de policiais, nenhum estava de serviço no momento que a sede do Judiciário potiguar foi invadida por assaltantes, na madrugada deste domingo (30).

Leia Mais: Deicor começa investigação sobre invasão e roubo no TJRN
Leia Mais: Quadrilha conseguiu roubar R$ 150 mil do caixa eletrônico do Tribunal de Justiça

Apenas dois vigilantes particulares faziam a segurança do local, onde tramitam processos envolvendo quadrilhas e organizações criminosas, bem como processos civis, inclusive, do Juizado Especial. Por sorte, os bandidos não violaram nenhuma das salas e gabinetes.

A atuação dos policiais militares no Tribunal de Justiça faz parte de um convênio firmado entre a presidência do órgão e o Governo do Estado. Na manhã desta segunda-feira (31), a reportagem do Portal BO tentou contato com a assessoria de imprensa do TJRN para saber detalhes do policiamento do órgão, mas sem sucesso.

Isso porque o prédio amanheceu fechado em virtude do feriado do Servido Público, que foi comemorado na última sexta-feira (28), mas transferido para hoje. Com isso, a unidade localizada na Cidade Alta permanecerá de portas fechadas até a próxima quinta-feira (3), tendo em vista que quarta-feira será celebrado o Dia de Finados (2) e os servidores do órgão vão imprensar esta terça-feira (1º). 

Tópicos: pm, tjrn
Encontre-nos no Facebook
Fechar
© 2011-2020. Portal BO - O 1º Portal Policial do RN - Todos os direitos reservados - Política de Privacidade

Título