Por dentro da PM
A reportagem solicitada não foi encontrada.

Natal, Rio Grande do Norte, 21 de Setembro de 2020

Prazo de subsídio vira paródia musical

Glaucia Paiva   26/12/2011 às 12h19   -  Atualizada em 06/02/2015 às 08h37

O Projeto de Lei Complementar que dispõe sobre o subsídio dos policiais e bombeiros militares do Estado, aprovado no último dia 14 na Assembléia Legislativa, virou tema de paródia musical na voz de um Cabo da Polícia Militar do RN.

O Cabo Cunha critica o prazo dado pelo Governo do Estado para a implantação da nova forma de remuneração, estipulado para o mês de julho de 2012. Outra crítica feita pelo militar é o condicionamento à Lei de Responsabilidade Fiscal ao qual o Projeto foi submetido.

A paródia foi feita a partir da música composta por Geraldo Azevedo "Quando Fevereiro Chegar". O vídeo do Cabo Cunha foi divulgado no Canal de Vídeos do Youtube no último dia 21 e já rende comentários no meio policial militar.

Confira a letra da música do Cabo Cunha:

"Quando o subsídio chegar

Espera tem matado a gente

As contas continuam

Ai Ai Doendo feito dor de dente

Subsídio não vá embora

Ai Ai por que se não a gente chora

Mas sei que julho vai chegar um dia

Dever... Polícia deve a Deus e o mundo

Mas a Rosa que eu reguei me ajudou

Vou esperar o aumento que eu ganhei

E vocês, por favor, não dê para trás com o aumento que eu ganhei"

 

O vídeo está disponível no endereço eletrônico http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=0u1pYzsQV1c

Encontre-nos no Facebook
Fechar
© 2011-2020. Portal BO - O 1º Portal Policial do RN - Todos os direitos reservados - Política de Privacidade

Título