Natal, Rio Grande do Norte, 01 de Fevereiro de 2023

Polícia acredita que execuções na zona Norte podem ter ligação

Três pessoas foram mortas com características semelhantes e no mesmo bairro, uma quarta pessoa foi encontrada sem vida em estado de decomposição; os fatos ocorreram na tarde desta segunda-feira (16)

Sérgio Costa   17/01/2023 às 08h14   -  Atualizada em 17/01/2023 às 08h20

Foto: Reprodução

A Polícia Civil não descarta a possibilidade dos assassinatos registrados na tarde desta segunda-feira (16), no bairro Pajuçara terem ligação. A afirmação foi dada pela equipe da DHPP (Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa), especializada que investiga crimes violentos e desaparecidos. A semelhança na dinâmica dos crimes leva os investigadores a essa suspeita e algumas evidências consistentes também.

Segundo uma fonte do PortaBO, no primeiro caso onde duas pessoas foram mortas dentro de casa, na rua Shalom, no Parque da Dunas, os assassinos usaram capuzes, chegaram em um carro com um terceiro que ficou no carro e entraram na casa atirando diversas vezes contra as vítimas com pistolas, atingindo principalmente a cabeça dos dois, em seguida fugiram. Minutos depois, cerca de 2 quilômetros outra vítima foi surpreendida por dois indivíduos de capuz que arrombaram a porta da casa na avenida Guararapes, também no Pajuçara e mataram Francisco Ramos Fernandes usando também pistolas, foram mais de 15 tiros efetuados contra Francisco, ele foi executado sumariamente. Neste caso os criminosos também tiveram o apoio de um terceiro em m carro.

Os inquéritos que investigarão as mortes transcorrerão na DHPP, assim como outro caso de assassinato, o de um homem encontrado em uma área de mata, no conjunto Nordelândia, no bairro Lagoa Azul. O corpo estava em estado de decomposição e com as mãos amarradas. O ITEP identificou, de maneira preliminar, sinais de violência na vítima. A Polícia Civil solicita a sociedade para que colabore nas investigações denunciando através do 181.

 

 

© 2011-2023. Portal BO - O 1º Portal Policial do RN - Todos os direitos reservados - Política de Privacidade

Título