Natal, Rio Grande do Norte, 17 de Novembro de 2017

Suspeito de atirar em viatura da Guarda Municipal morre em confronto no Mosquito

Moradores denunciam clima de violência na comunidade marcada pelo tráfico e assassinatos

Sérgio Costa   08/10/2017 às 20h25   -  Atualizada em 09/10/2017 às 07h49

Foto: Cedida

O clima de insegurança e violência vivido hoje pelos moradores da comunidade do mosquito no, bairro Nordeste está cada vez mais preocupante. De Janeiro até este mês de Outubro 32 pessoas foram assassinadas no local, que também foi alvo de diversas operações da polícia em combate a criminalidade.

Esse dado foi colhido pelo PortalBO nos registros do Instituto Técnico e Científico de Perícia. Na manhã deste domingo mais um suspeito morador da comunidade morreu em confronto com a polícia após uma viatura da Guarda Municipal ser atingida por tiros ao passar pela avenida Felizardo Moura. Alisson Rodrigo de Souza Ferreira ainda foi socorrido, mas já deu entrada na unidade hospitalar sem vida. Vizinhos da vítima, que preferiram não serem identificados, afirmam que a cada dia o medo toma conta de quem vive no Mosquito.

Situações de confronto com as forças de segurança vem se tornando constantes no Mosquito, a presença e atuação de criminosos integrantes de uma das facções instaladas no Estado se destacam, porém muitos homens e mulheres envolvidos com o tráfico e roubos na localidade estão identificados, afirma a Polícia Militar que realiza incursões semanais na comunidade.

Encontre-nos no Facebook
Fechar
© 2011-2017. Portal BO - O 1º Portal Policial do RN - Todos os direitos reservados - Política de Privacidade

Título