Natal, Rio Grande do Norte, 19 de Agosto de 2017

Bando armado aterroriza em Caraúbas e alveja três pessoas no centro da cidade

Polícia ainda não sabe a motivação, mas o alvo era o comerciante Wilson Praxedes, que foi baleado.

Redação   14/11/2011 às 16h35   -  Atualizada em 21/07/2017 às 14h45

Foto: Blog Passando na Hora

A população caraubense foi acordada na manhã dessa segunda-feira (14) com um intenso tiroteio provocado por vários homens encapuzados e fortemente armados de pistolas, fuzis, e escopeta calibre 12, em uma caminhoneta Hilux, de cor prata, que chegaram descendo e já atirando contra o comerciante Wilson Praxedes, 46 anos, proprietário de um frigorífico na rua Rodolfo Fernandes, no centro comercial da cidade de Caraúbas.

No momento do tiroteio, o comerciante Wilson Praxedes, estava em seu comércio na companhia de sua filha , 16 anos. Francisco Irlanio Alves Lima, de 31 anos, que ia passando pelo local, sofreu dois tiros um de raspão no pescoço e o outro na mão direita; ele ficou no Hospital de Caraúbas, não corre risco de morte e está em observação e dá alta hoje mesmo.

O bando invadiu o frigorífico por volta das 6h20min da manhã dessa segunda-feira e atirou por mais de 20 minutos. Os suspeitos fugiram em direção ao Sitio Santo Antonio e sem seguida aos municípios de Messias Targino e Patu no Médio Oeste. Todo policiamento de Apodi, Patu, Campo Grande, Janduis, Messias Targino e outras cidades do Médio Oeste foram acionados, mas não obtiveram êxito na captura ao bando.

As vítimas foram levadas para o Hospital Regional de Caraubas e logo encaminhadas sob escolta policial para o Hospital Tarcisio Maia em Mossoró. Em Caraubas, o clima de tensão toma conta de toda população que evita fazer qualquer comentário sobre o fato ocorrido.

Nas rodovias do Médio e Alto Oeste, a presença de policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) Grupo Tático Operacional (GTO) é visível. Foi formado um cerco na região na tentativa de localizar os meliantes, mas sem sucesso.

Informações preliminares da policia apontam que o comerciante foi alvejado com três disparos sendo 2 de pistola e um de arma de grosso calibre na região do ombro e tórax, mais não corre risco de morte, sua filha de 16 anos sofreu um disparo de pistola na região da face atingindo nariz e maxilar podendo até a mesma perder a visão, e a outra pessoa que ficou no hospital da cidade sofreu um tiro na mão. 

Fechar
© 2011-2017. Portal BO - O 1º Portal Policial do RN - Todos os direitos reservados - Política de Privacidade

Título